A Cruz de Cristo, Nossa Vitória

João Barreto Jr.


“E, quando vós estáveis mortos nos pecados, e na incircuncisão da vossa carne, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-vos todas as ofensas, havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz. E, despojando os principados e potestades, os expôs publicamente e deles triunfou em si mesmo.” – Colossenses 2:13 a 15


Na cruz Jesus tirou toda autoridade de satanás para tocar naqueles que são seus. “Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não peca; mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca.” – 1João 5:18.


Além de privar satanás de tocar nos que são seus (nascidos de novo), na cruz, Jesus denunciou sua falência, todos podem tomar conhecimento e vivenciar essa realidade.


Na cruz Jesus não venceu apenas uma batalha, Ele alcançou triunfo contra todo o exército inimigo, contra todos os demônios e intentos do diabo. Ele triunfou de uma vez por todas e com Ele somos, da mesma forma, mais que vencedores, além das vitórias em cada batalha compartilhamos também do seu triunfo total.


Comentários
  • Sélia de Oliveira Barreto - Como já temos ouvido falar, na cruz Cristo realizou um feito notável para produzir efeitos notáveis em nossa vida. - 16/04/2019 - 17:28

194 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo