Cristo, Nossa Páscoa

João Barreto Jr.


"Quando vós estáveis mortos nos pecados, e na incircuncisão da vossa carne, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-vos todas as ofensas, havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz. E, despojando os principados e potestades, os expôs publicamente e deles triunfou em si mesmo.” Colossenses 2:13 a 15


Na cruz Jesus tirou toda autoridade de satanás para tocar naqueles que são seus. “Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não peca; mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca.”1João 5:18.


Além de privar satanás de tocar nos que são seus (nascidos de novo), na cruz, Jesus denunciou sua falência, todos podem tomar conhecimento e vivenciar essa realidade.

Na cruz Jesus não venceu apenas uma batalha, Ele alcançou triunfo contra todo o exército inimigo, contra todos os demônios e intentos do diabo. Ele triunfou de uma vez por todas e com Ele somos, da mesma forma, mais que vencedores, além das vitórias em cada batalha compartilhamos também do seu triunfo total.


“Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós.” - 1 Coríntios 5:7


A páscoa era uma festa judaica que celebrava e recordava a libertação do povo de Israel do Egito, quando eles foram transportados por Deus da escravidão para a terra prometida, conforme narrado no livro de Êxodo.


Agora o apóstolo Paulo diz que Cristo é a nossa Páscoa, representando a sua morte e ressurreição e consequentemente a nossa libertação do império das trevas e a nossa entrada no Reino do Filho do Seu Amor.


“Dando graças ao Pai que nos fez idôneos para participar da herança dos santos na luz; o qual nos tirou da potestade das trevas, e nos transportou para o reino do Filho do seu amor” - Colossenses 1:12,13


“Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que por tradição recebestes dos vossos pais, mas com o precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado” - 1 Pedro 1:18,19


Esse foi o preço do nosso resgate.

60 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo